Akwavita - O Espaço da Saúde Integral
Pesquisar no site:  Pesquisar 
Acesse a página inicial da Akwavita  Fale Conosco - O seu canal de comunicação com a Akwavita  Mapa do Site

Quiropraxia e Medicina Chinesa nas Tendinites

Os tendões correspondem à parte do tecido muscular que tem uma característica dura, flexível e fibrosa, responsável pela conexão dos músculos aos ossos, fazendo um sistema de alavanca. Quando os tendões estão inflamados, irritados ou sofrem lesões microscópicas, leva a uma condição chamada tendinite. Os tendões podem ser pequenos e delicados, como os dos músculos das mãos, ou grandes e pesados, como os dos músculos da coxa. Na maioria dos casos, a tendinite acontece para uma das seguintes razões - por excesso de uso (um movimento do corpo em particular é repetido muito frequentemente) ou por sobrecarga (o nível de uma certa atividade, como o carregamento de pesos, tem sua frequência aumentada muito depressa).

Mais raramente, a tendinite é causada por uma infecção, como a gonorreia.

A tendinite normalmente acontece nos ombros, nos cotovelos, nos joelhos, nos pulsos e nas solas dos pés, embora possa acontecer em qualquer lugar no corpo. Por razões incertas, a tendinite é também comum em pessoas com diabetes.

Quadro Clínico

Em geral, a tendinite causa dor nos tecidos que cercam a junta (articulação), especialmente depois que a junta tenha sido muito usada, durante um jogo ou no trabalho. Em alguns casos, a junta pode também se tornar fraca, e a área pode ficar vermelha, inchada ou quente.

Quando tendinite é causada por uma infecção como a gonorreia, pode haver outros sintomas, incluindo erupção cutânea, febre, ou uma secreção na vagina ou no pênis.

Outros sintomas variam de acordo com o tendão afetado:

  • Tendinite no ombro - A forma mais comum de tendinite no ombro é aquela que envolve o tendão do músculo supraespinhoso, que prende à porção superior do úmero (osso do braço) na junta do ombro. Menos frequentemente, o tendão do músculo infraespinhoso é afetado. Na maioria dos casos, o tendão do supraespinhoso é lesado por excesso de uso, tipicamente em uma ocupação ou esporte que exige elevar o braço repetidamente. Pessoas que têm maior risco incluem os carpinteiros, os pintores, os soldadores, os nadadores, os jogadores de tênis e os jogadores de beisebol. O paciente comum é o trabalhador do sexo masculino, acima dos 40 anos de idade, e a dor no ombro fica no mesmo lado da mão dominante (por exemplo, ele tem dor no ombro direito se ele for destro).
  • Tendinite no cotovelo - Duas formas de tendinite envolvem geralmente o cotovelo: a epicondilite lateral e epicondilite mediana. É causada por excesso de uso, muito comum entre atletas envolvidos em esportes com raquete.
  • Epicondilite lateral (cotovelo do tenista) – Causa dor no lado externo da junta do cotovelo. Esta condição afeta 40 a 50% de todos os atletas adultos que praticam esportes de raquete. Também pode ser causada por qualquer atividade repetitiva envolvendo a torção e dobra do pulso, como arrancar ervas daninhas no jardim, usar uma chave de fenda ou até mesmo carregar uma pasta.
  • Epicondilite mediana (cotovelo do golfista) – Causa dor no lado interno do cotovelo. É uma lesão menos comum que o “cotovelo do tenista” e, apesar de seu nome, está relacionada uma ocupação que requer movimentos repetidos do cotovelo (como trabalhar na construção civil) do que na prática desportiva.
  • Tendinite no joelho (joelho do saltador) – É a forma mais comum de tendinite do joelho, envolve o tendão da patela (rótula) ou o tendão do quadríceps na parte superior do joelho. É uma lesão comum por excesso de uso, especialmente nos jogadores de basquetebol e corredores de distância.
  • Tendinite no punho - No punho, a tendinite aparece geralmente na forma da doença de Quervain, uma condição que causa dor na parte de trás do punho, na base do polegar. Embora a doença de Quervain normalmente aconteça em pessoas que repetidamente fazem o movimento de “agarrar” ou “beliscar” com o dedo polegar, às vezes ela se desenvolve, por razões desconhecidas, em mulheres grávidas.
  • Tendinite de Aquiles - Esta forma de tendinite afeta o tendão de Aquiles, na parte de trás do pé. A tendinite de Aquiles normalmente é causada por excesso de uso, especialmente em desportistas que fazem corridas ou saltos repetidamente, respondendo por 15% de todas as lesões de corrida. A tendinite de Aquiles também pode estar relacionada má técnica ou por sapatos inadequados para o esporte. Menos frequentemente, a tendinite de Aquiles está relacionada a uma doença inflamatória, como a Espondilite Anquilosante, a Síndrome de Reiter, a Gota (distúrbio do ácido úrico) ou a Artrite Reumatoide.

Visão da Medicina Chinesa da Tendinite

  • O fígado, dentro de uma visão energética, ele cuida de todos os tendões, quando há uma inflamação nos tendões, mostra que o órgão está desequilibrado, quer seja por uma alimentação ruim, emocional desequilibrado, stress com sono ruim.
  • Para que seja restabelecido isso, precisa-se mudar de hábitos, para isso oferecemos alguns tratamentos como a Acupuntura, a fitoterapia chinesa, a terapia ortomolecular e orientação de alimentação saudável e funcional.

Visão da Quiropraxia:

  • Qualquer problema que se tenha no corpo, nunca devemos esquecer da coluna. Lembre-se de que qualquer nervo do corpo é uma ramificação do sistema nervoso central e periférico e, tudo sai da coluna.
  • Qualquer disfunção dos movimentos realizados por ela, pode pinçar um nervo e todo o seu trajeto poderá ser comprometido e dores ou patologias poderão ser sentidas e a pessoa nem imagina que pode ser da coluna.
  • As tendinites podem ter suas causas nos bloqueios articulares como um todo
  • E não são só elas, temos uma enorme variedade de problemas que podem ser devido aos bloqueios articulares: dor de cabeça, tontura, problemas intestinais, cólicas, sensação de infecção urinária, fibromialgia, bursite, dores nos joelhos, calcanhar, cotovelo, etc

©2017 Net4all
Todos os direitos reservados